Páginas:   1  2  3  4  5 Anterior   PróximaP.aacute;gina Anterior

Notícias

Novo R-105 poderá manter restrições ao acesso as armas e ao tiro esportivo.

Recentemente circulou uma minuta do que seria a proposta de um novo Decreto para substituir o Decreto 3.665/2000 (R-105), que regulamentara armas e munições a serem adquiridas pelo cidadão e pelos CACs, colecionadores, atiradores e caçadores registrados no Exercito

 

MANIFESTAÇÃO PELA REVOGAÇÃO DO ESTATUTO DO DESARMAMENTO DIA 19/02. PARTICIPE!

Reserve o dia 19 de fevereiro, próximo domingo, e participe da manifestação exigindo o fim do draconiano estatuto do desarmamento civil, o fim da draconiana lei que desarmou somente quem nunca deveria ser desarmado, as vítimas

 

PORTE DE ARMAS DE DEFESA E O CAOS NO ESPÍRITO SANTO.

Caos no Espirito Santo, membros de Igreja defendem fieis encurralados.
Nos primeiros 18 s dois 2 ladrões saqueiam cerca de nove 9 Senhoras num ponto de ônibus. Efeito também capitulacionismo.
A partir de 19 s é mostrado um grupo de evangélicos a de uma igreja à noite sair, a incluir mulheres e crianças. Muitos homens de terno

 

O novo decreto sobre armas (R-105)

Mais uma vez pedimos a sua participação nesta campanha para fazer com que as autoridades redijam um novo decreto sobre armas, o R-105, obedecendo a hierarquia das leis e o resultado do referendo.
O autoritarismo reinante nas instituições nega-se a obedecer a inequívoca determinação da população ocorrida no referendo de 2005, além de fazerem vista grossa aos mandamentos constitucionais e as leis ordinárias, desobedecendo a hierarquia das mesmas. Um decreto deve se subordinar a Constituição e as Leis Federais e não contrariá-las

 

A VITÓRIA ESMAGADORA DE DONALD TRUMP.

Segue a mensagem que enviei ao jornal O Estado de São Paulo a respeito da publicação na primeira página da edição de hoje, 10/11/2016, mas que também é perfeitamente adequada a toda imprensa mundial.

 

Nova minuta para o novo R-105

A nossa luta é renhida e constante. O autoritarismo reinante nas instituições nega-se a obedecer a inequívoca determinação da população ocorrida no referendo de 2005, além de fazerem vista grossa aos mandamentos constitucionais e as leis ordinárias, desobedecendo a hierarquia das mesmas. Um decreto deve se subordinar a Constituição e as Leis Federais e não contrariá-las

 

CAMPANHA URGENTE! Enviemos sugestões para o novo R-105.

A DFPC, Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados do Comando Logístico do Exército Brasileiro avisou, na última sexta-feira 03/jun/16, que está a redigir um novo R-105 Regulamento de Fiscalização de Produtos Controlados. Será emitido como Decreto Federal a revogar o vigente Decreto 3.665/2000

 

Vamos escrever ao Ministro da Justiça Dr. Alexandre de Moraes.

Tendo em vista o inequívoco posicionamento do atual Ministro da Justiça expressado recentemente  em um programa da Rádio Jovem Pan, quando ainda era Secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, onde afirma várias vezes que o cidadão tem o direito de ter armas de fogo, vamos escrever e solicitar ao Ministro providências no sentido de determinar a suspensão das arbitrarias negativas às solicitações de aquisição de armas de fogo por cidadãos que cumprem os requisitos legais, suspendendo-se a discricionariedade abusiva que a Polícia Federal vem cometendo a mando do nefasto ex-desgoverno petista, de triste memória